2

2 de outubro de 2012

Terra de Sombras – Alyson Noël

2

Hey, e ai? Preparados para uma resenha minha sobre o terceiro livro da saga Os Imortais? Como ainda não fiz a ficha, vou postar logo tudo de uma vez!

Então, começando aqui com a ficha e logo abaixo a resenha.

untitledTERRA DE SOMBRAS (Os Imortais – vol.3)5estrelas%25255B1%25255D_thumb[1]

Original: Shadowland

Editora: Intríseca (ed.1)

Páginas: 269

Lançamento(ano): 2010 – novembro

Perfil no Skoob

Review: Ever e Damen atravessaram diversas vidas e enfrentaram os mais terríveis inimigos com um só objetivo: ficar eternamente juntos. E quando esse sonho está ao alcance das mãos, um poderoso feitiço cai sobre Damen. Agora, para ele, simplesmente tocá-la ou encostar os lábios nos dela significaria a morte, o exílio definitivo em uma terra de sombras. Desesperada por livrá-lo da maldição, Ever mergulha de corpo e alma na magia e encontra uma ajuda inesperada: um surfista chamado Jude. Apesar da profunda lealdade a Damen, é inevitável que ela se sinta atraída por esse garoto estranhamente familiar, de olhos verdes, dons mágicos e passado misterioso. Ever sempre acreditou que Damen fosse seu destino - mas e se o futuro tiver reservado outros planos? Com Jude cada vez mais próximo, pela primeira vez em séculos esse amor é posto a prova.

Minha opinião é…

Sim, é completamente lindo e… comercial! É, não foi uma decepção, mesmo porque se fosse, eu não leria o Chama Negra agora, mas é bem triste ver que o livro é apenas uma continuação para prolongar a saga.

É lindo, como todos os livros de Alyson, mas achei-o desnecessário. A história foi-se alongando para uma coisa perdida e vaga. No meio do livro, a narrativa entedia o leitor pela chatice de Ever, a personagem principal. Mas vou confessar aqui, como quem não quer nada, o livro vale pelo final! Vale sim.

Quando chega no final a guinada que a vida de Ever dá após ter transformado a melhor amiga Haven em imortal é supreendente! Ai sim Terra de Sombras deixa de ser apenas uma sequência simples e vazia e prende o leitor à todas as novidades da trama!

Prende mesmo, você não consegue largar o livro! No terceiro da saga, aparece o primeiro muro entre o casal, o encantador Jude, que ao longo das descobertas, vê-se que é de várias e várias vidas. Sempre aparecendo para atrapalhar o casal feliz.

Jude é um sobrinho adotado de Lina, a dona da loja mística onde Ava trabalhava (visto no segundo). Ever volta lá para procurar por ajuda e acaba conhecendo o surfista lindo. É engraçado, tanto o jeito como Ever fica constrangida e nervosa como o jeito que eles dois se entrosam fácil. E você se vê apaixonada pelo novo casal e principalmente, pelo Jude. (: Eu na verdade fiquei louca por ele, mas enfim…

O jeito de Jude seduz totalmente a personagem. Ele é sincero e tão interessante, instigante, eu diria, que a conquista por um lado. Sim, porque tem ainda tem Damen!

Então, abre-se a questão: seria ele a alma gêmea de Ever e não o imortal (Damen) que a procura incansavelmente? Segundo ele próprio (Damen), o destino sempre trata de por Jude em seu caminho, mostrando-os assim outra verdade dos enormes mistérios à cerca da vida e da imortalidade.

Todos sabem do ciclo normal da vida, o nascimento, a jovialidade e a morte. E a imortalidade tende a romper esse ciclo, conbatendo de frente com o ciclo natural das coisas. É bem profundo o modo como a autora trata isso. A imortalidade batendo de frente com o ciclo da vida, a morte.

Ever fica entre um dilema. Ah… não vou revelar muito. Só lendo para saber. (:

Bom, o próximo é Chama Negra e assim que eu acabar de lê-lo, faço a resenha aqui no BOOKS! Só aguardar e ficar ligado no LoC.

Fiquem na curiosidade, caso não tenham lido ainda. Quero a opinião de todos!

XOXO**

 

2 comentários :

Débora Braga disse...

Oii,

Então, comecei a ler a série agora depois que a minha amiga insistiu pra caramba. Eu já tenho outros aqui e bem, o livro é até que legalzinho. Comparando ao livro A maldição do Tigre, esse é uma merda. Ele só fica no romancezinho e nesse poderzinho de imortalizadade idiota que ela conseguiu. Acho que a autora fica enrolando demais, sabe. Ela enrola, enrola e não têm nada de novo, nada que te prenda e te incentive a ler. Eu vou ler os outros por curiosidade mesmo pelo simples fato de que não gosto de deixar as coisas pelo caminho...

Adorei o blog,
http://ccloficial.blogspot.com.br/

CHOKOLATE2 disse...

É, legalzinho mesmo! KK Disse tudo.
Muito obrigada pelo comentário Débora :)

Acho que A Maldição do Tigre não tem nada haver com Os Imortais, apenas o fato de serem uma série. São completamente diferentes e acho um erro compará-los. Não vamos desmerecer o trabalho da escritora Alyson Noel né? A escritora pode ter derrapado e errado sim, (por ter sucumbido sua linda saga ao comércio) mas não creio que seja uma merda.
Mas a história é sim parada e fica nisso o tempo todo, o que leva a cansar o leitor pela chatice constante da Ever. Só incetiva pela curiosidade do fim, que dizem ser 'espetacularmente surpreendente'. '-'
Também odeio deixar um livro inacabado, jogado no canto... *0*
Beijos e obrigada de novo!

Diga sua opinião, dê sugestões, critique com respeito, criatividade e construtividade! (: Espaço livre para vocês, meus caros.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...